Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/86
Tipo: Dissertação
Title: Avaliação do óleo de partes distintas do tambaqui (Colossoma macropomun) e aproveitamento de seus resíduos na produção de biodiesel
Autor(es): Sousa, Sueli Caetano de
Primeiro Orientador: Costa, Luiz Antonio Mendonça Alves da
Resumo: Devido à necessidade de ampliação de oferta de energia, existe uma crescente busca por novas matérias primas como fontes de energia renovável. Os óleos vegetais, as gorduras animais, óleos de cozinha recuperado e resíduos da produção pesqueira estão sendo avaliados. O presente trabalho teve como objetivo avaliar, através de diferentes métodos de extração, o rendimento do óleo de diversas partes do tambaqui (Colossoma macropomum), inclusive de seus resíduos, determinar a composição em ácidos graxos dos óleos obtidos e produzir biodiesel aproveitando os resíduos deste peixe. Neste trabalho avaliou-se métodos de extração de óleo à frio, com material fresco utilizando o método de Folch e extração com hexano; extração à frio, com material desidratado utilizando a metodologia modificada de Duarte e por fim a extração convencional por Soxhlet. Os óleos obtidos foram inicialmente analisados por cromatografia em camada delgada (CCD) e em seguida convertidos a seus respectivos ésteres metílicos de ácidos graxos. Extraiu-se também óleo das vísceras de tambaqui, através de aquecimento em estufa à 60ºC. O óleo usado na produção de biodiesel foi submetido a análises físico-químicas, em seguida esterificado pelo método de Fischer com metanol, para redução da acidez, e depois submetido à transesterificação alcalina. A composição em ácidos graxos, dos óleos obtidos e do biodiesel, foi determinada através da cromatografia à gás utilizando detector de ionização por chama (CG-DIC). As propriedades do biodiesel foram determinadas de acordo com as orientações da Agência Nacional de Petróleo, Biocombustíveis e Gás Natural (ANP) através da resolução de N° 7 de 2008. De acordo com os resultados obtidos, o método de extração de óleo que apresentou o melhor rendimento foi a metodologia modificada de Duarte (12,31%) enquanto que o método de Folch e a extração com hexano apresentaram rendimentos inferiores à 2%. Através da extração por Soxhlet, usando amostras diversificadas do tambaqui (filé, cabeça e mistura dos resíduos), obteve-se rendimentos de 42,48%, 42,87% e 41,87%, respectivamente. Das vísceras de tambaqui, através do aquecimento em estufa, obteve-se rendimento de 46,78% de óleo. Os resultados físico-químicos indicaram acidez elevada para o óleo da mistura dos resíduos (1,62%) em relação ao óleo das vísceras (0,49%). O índice de saponificação para o óleo das vísceras foi de 163,86 mg de KOH/g, inferior ao encontrado na literatura para o óleo de peixe (189-193). Os resultados cromatográficos apresentaram diferenças tanto na composição química dos óleos e do biodiesel, quanto na proporção de seus constituintes. Os ácidos graxos majoritários determinados nas amostras foram os ácidos oléico (C18:1 ω-9) e palmítico (C16:0). O biodiesel apresentou aspecto, massa especifica, viscosidade cinemática dentro dos limites determinado pela ANP, sendo que o ponto de fulgor determinado foi bem acima do mínimo recomendado, um indicativo que o biocombustível produzido apresenta baixo risco de inflamabilidade, no entanto, o índice de acidez e a estabilidade oxidativa encontraram-se fora dos parâmetros pré-estabelecidos. Portanto, o óleo das vísceras de tambaqui mostra-se promissor para a produção de biodiesel, porém existe a necessidade de ampliar-se o estudo.
Abstract: Due to the need to expand the energy supply, there is an increasing search for renewable energy. Vegetable oils, animal fats, recovered cooking oils and wastes from fish production are being appraised. The present work aimed evaluate, by different extraction methods, the yield of oil from different parts from the Tambaqui (Colossoma macropomum), including its wastes, determine the fatty acid composition of oils obtained and produce biodiesel taking advantage of this fish wastes. In this work we evaluate methods of oils in cold extraction, with fresh material using the Folch method and extraction with hexane; Cold extraction, using dehydrated material utilizing the Duarte modified methodology and finally the conventional Soxhlet extraction. The oils obtained were initially analyzed by thin layer chromatography (TLC) and immediately converted to the respective methyl esters of fatty acid. It was also extract oils from the Tambaqui offal, by heating in a stove at 60º C. The oil used in biodiesel production was submitted to physicochemical analysis, immediately esterified by the Fischer method using methanol, to reduce its acidity, and immediately submitted to alkaline transesterification. The fatty acid composition, from de oils obtained and from biodiesel, was determined by gas chromatography utilizing flame ionization detector (GC-FID). The biodiesel properties were determined according to instructions from the Brazilian National Agency of Petroleum, Natural Gas and Biofuels (ANP) by the resolution Nº 7, 2008. According to the results obtained, the oil extraction method that presented the best yield was the Duarte modified methodology (12.31%) while the Folch method and the extraction with hexane presented yield of less than 2%. By Sokhlet extraction, using diverse samples from Tambaqui (fillet, head and wastes mixture), it was obtained a yield of 42.48%, 42.87%, 41.87%, respectively. From the Tambaqui offal, by the heating in a stove, it was obtained a yield of 46.78% of oil. The physicochemical results indicated hight acidity for the wastes mixture oils (1.62%) in relation to offal oil (0.49%). The saponification value for offal oil was 163.86 mg of KOH/g lower than that found in the literature for fish oil (189-193). The chromatography results present differences both in biodiesel oils chemical composition, as in this constituents’ proportion. The major fatty acid determined in the samples were oleic (C18:1 ω-9) and palmitic (C16:0). The biodiesel presented aspect, bulk density, kinematic viscosity within the limits set by the ANP, being that the determined flash point was well above the recommend minimum, an indication that biofuel produced presents a low risk of flammability, however the acid value and the oxidative stability found themselves out of the pre-established parameters. Therefore, the Tambaqui offal oil shows promise for biodiesel production, although there is a need to expand the study.
Keywords: Tambaqui
Ácidos graxos
Biodiesel
Óleo de peixe
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Roraima
Sigla da Instituição: UFRR
metadata.dc.publisher.department: CCT - Centro de Ciência e Tecnologia
metadata.dc.publisher.program: PPGQ - Programa de Pós-Graduação em Química
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/86
Issue Date: 29-Mar-2014
Appears in Collections:PPGQ - Programa de Pós-Graduação em Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Avaliação do óleo de partes distintas do tambaqui (Colossoma macropomun)... Sousa.pdf2,21 MBDissertaçãoView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.