Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/532
Tipo: Dissertação
Title: Produtividade e qualidade de raízes de mandioca, cv. Aciolina, sob diferentes doses de potássio e épocas de avaliação na savana de Roraima
Autor(es): Sousa, Ataiza de Andrade
Primeiro Orientador: Uchôa, Sandra Cátia Pereira
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Alves, José Maria Arcanjo
Resumo: Objetivou-se com o presente estudo avaliar a produtividade e qualidade de raízes de mandioca, cv. aciolina, sob diferentes doses de potássio e épocas de avaliação na savana de Roraima. No experimento empregou-se o delineamento em blocos casualizados, em esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições. As cinco doses de potássio foram aleatorizadas nas parcelas (0, 30, 60, 120 e 240 kg ha-1 de K2O), aplicadas no plantio e em cobertura aos 30 e 60 dias após o plantio (DAP), e cinco épocas de avaliação (150, 210, 270, 360 e 420 DAP), nas subparcelas. A parcela experimental foi constituída por nove fileiras simples de mandioca com 6,4 m de comprimento contendo onze plantas (99 plantas por parcela), em que os 4,8 m no meio das fileiras centrais corresponderam à área útil (23,04 m2). O plantio foi feito em fileiras simples, obedecendo ao espaçamento de 0,8 x 0,8 m, totalizando 15.625 plantas por hectare. As colheitas, conforme as épocas estabelecidas, foram realizadas de forma manual, retirando-se três plantas inteiras da área útil por subparcela, sendo avaliadas as seguintes variáveis: altura da planta, produtividade de parte aérea (kg ha-1), número de raízes tuberosas, diâmetro da raiz (cm), produtividade de raiz (kg ha-1), índice de colheita (IC), teor de HCN nas folhas, caule, polpa da raiz e córtex da raiz. Algumas variáveis foram analisadas apenas aos 360 DAP; número de raízes comerciais, produtividade de raiz comercial (kg ha-1), teor de amido e matéria seca e rendimento de farinha. Os componentes de produção da mandioca altura da planta, produtividade de parte aérea, diâmetro de raiz e produtividade de raiz, apresentaram comportamento linear positivo, tanto em função das épocas de colheita, quanto em função das doses de K2O, não sendo observado período de repouso fisiológico na cv. Aciolina, nas condições desta pesquisa. Para o número de raízes tuberosas, número de raízes comerciais, produtividade de raiz comercial e produtividade de amido, o comportamento foi linear em função das doses de K2O. O maior índice de colheita, 71,5% é obtido com 173,1 kg ha-1 de K2O aos 420 DAP. A maior produtividade de raízes foi de 78.000 kg ha-1 e de amido foi de 14.096 kg ha-1, ambas obtidas com a maior dose de K2O aplicada (240 kg ha-1 de K2O), aos 420 DAP. O teor de amido, teor de matéria seca e rendimento de farinha apresentaram comportamento quadrático em função das doses de K2O, obtendo maiores percentuais nas doses de 150 kg ha1, 147 kg ha-1 e 203 kg ha-1 de K2O, respectivamente. O teor de HCN no córtex da raiz e na folha aumentam com o aumento das doses de K2O. A partir dos 235 DAP o teor de HCN diminui com idade de colheita. O teor de HCN no caule e HCN na raiz apresentaram comportamento quadrático em função das doses de K2O, e linear negativo em relação às épocas de avaliação. O teor de HCN varia entre as partes da planta, sendo as maiores concentrações encontradas nas folhas e os menores na raiz.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the productivity and quality of cassava cv. Aciolina under different levels of potassium and evaluation times in the savannah of Roraima. At the experiment was used a randomized block design with a split plot design with four replications. The five levels of potassium were randomized in plots (0; 30; 60; 120 and 240 kg ha-1 K2O) applied at planting and cover for 30 and 60 days after planting (DAP), and five-year assessment (150; 210; 270; 360 and 420 DAP) , the subplots. The experimental plot consisted of nine single rows of cassava with 6,4 m long containing eleven plants (99 plants per plot), where 4.8 m in the middle of the central rows corresponded to floor area (23.04 m2). The planting was done in single rows, according to the spacing of 0.8 x 0.8 m, totalizing 15,625 plants per hectare. Crops, as established seasons were performed manually, removing three entire plants of floor area per plot, the following variables were evaluated: plant height, shoot productivity (kg ha-1), number of roots, root diameter (cm), root productivity (kg ha- 1), harvest index (IC), HCN content in leaves, stem, root and pulp of the root cortex. Some variables were analyzed only at 360 DAP, number of commercial roots productivity for commercial roots (kg ha- 1), starch and dry matter productivity and flour. Productivity components of cassava plant height, productivity of shoot, root diameter and root productivity showed positive linear behavior, both due to harvest time, as a function of K2O levels, not being observed physiological rest period cv. Aciolina under the conditions of this study. For the number of storage roots, roots number of commercial, business productivity and productivity of root starch, the behavior is linear in terms of K2O levels. The highest harvest index, 71.5% is obtained with 173,1 kg ha- 1 K2O at 420 DAP. The highest root productivity was 78,000 kg ha- 1 and starch was 14,096 kg ha- 1, both obtained with the highest dose of K2O applied (240 kg ha- 1 of K2O), at 420 DAP. The starch content, dry matter content and flour productivity showed a quadratic behavior as a function of K2O levels, obtaining the highest percentages in doses of 150 kg ha-1, 147 kg ha- 1 and 203 kg ha- 1 K2O, respectively. The concentration of HCN in the cortex of the root and the sheet increases with increased doses of K2O. From 235 HCN content decreases with age harvest. The HCN content in the stem and the root HCN showed quadratic behavior as a function of K2O levels, and linear negative with respect to the evaluation times. The HCN content ranging from parts of the plant, and the highest concentrations found in the smaller leaves and the root.
Keywords: Amido
Manihot esculenta
Produção
Starch
HCN
Production
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Roraima
Sigla da Instituição: UFRR
metadata.dc.publisher.department: PRPPG - Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: POSAGRO - Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/
URI: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/532
Issue Date: 2014
Appears in Collections:POSAGRO - Programa de Pós-Graduação em Agronomia



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons