Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/258
Tipo: Dissertação
Title: Perfil químico e de minerais do óleo vegetal da semente de camu-camu (Myrciaria dubia (H. B. K) Mc Vaugh) Mytaceae
Autor(es): Filho, Diógenes
Primeiro Orientador: Filho, Antonio Alves de Melo
Resumo: O camu-camu (Myrciaria dubia H.B.K. McVaugh) é nativo da Amazônia e ocorre em áreas de terras alagadas. Em Roraima, o fruto nativo é conhecido como caçari. O seu elevado teor de vitamina C e a composição de antioxidantes tem projetado o fruto à posição de destaque em pesquisas recentes. Este trabalho compreende uma análise química do óleo vegetal das sementes de amostras de frutos colhidos na Praia do Caçari, às margens do Rio Cauamé, na cidade de Boa Vista, Roraima. Das sementes, foi extraído o óleo verde-escuro de rendimento 2,88%. O estudo forneceu, através dos espectros de Ressonância Magnética Nuclear de Hidrogênio (1H) e Carbono (13C) as propriedades físico-químicas do óleo e a composição de ácidos graxos majoritários. O Índice de Iodo (II) 55,39 mg I2/g; Índice de Saponificação (IS) 178,14 mg KOH/g; Índice de Acidez (IA) 1,46 %; Relação Hidrogênio Olefínico/Alifático (Ro,a) 0,361; Massa Molecular Média (MM) 934,16 g/mol foram obtidos através dos cálculos no programa computacional Protoleos. A análise dos deslocamentos de sinais no espectro de Carbono-13 confirmou a presença dos grupos funcionais de ácidos graxos e insaturações correspondentes aos ácidos graxos insaturados. A porcentagem de ácido linolênico (ω-3) determinada foi de 0,43%, ácido linoleico (ω-6) 12,02%, oleico (ω-9) 62,49% e de ácidos graxos saturados 25,10%. Foi constatado que o óleo de camu-camu não serve para o consumo na dieta humana e que ele perfaz elevado potencial antioxidante, quando comparado a outros óleos de origem vegetal. Confirmou-se também que a semente de camu-camu apresenta baixos níveis de oleossomos, sendo assim classificada como semente amilácea, devido à sua elevada reserva de amido. A análise quantitativa de minerais através da técnica de ICP-OES revelou faixas de concentrações de elementos: K, Na, P, Si (> 100 ppm); Mg, S (10 a 100 ppm) e Ti (< 100 ppm). O programa Protoleos revelou ser uma ferramenta útil para os cálculos da determinação de propriedades físico-químicas e da composição de ácidos graxos majoritários. A atividade antioxidante, através do método DPPH, demonstra que o óleo de camu-camu apresenta elevado percentual antioxidante (IC50 = 114,72 μg.mL-1), conforme aumenta sua concentração. A análise de Infravermelho possibilitou o reconhecimento de grupos funcionais presentes em óleos vegetais fixos, como as bandas de absorção de triglicerídeos. Os resultados obtidos contribuem com novas informações para a literatura sobre a extração de óleo da semente de camu-camu e suas concentrações de minerais.
Abstract: Camu-camu The (Myrciaria dubia HBK McVaugh) is native to the Amazon and occurs in areas of wetlands. In Roraima, the native fruit is known as caçari. Its high content of vitamin C and antioxidants composition has designed the fruit to the leading position in recent research. This work comprises a vegetable oil chemical analysis of fruit samples of seeds harvested in Caçari Beach on the shores of Rio Cauamé in the city of Boa Vista, Roraima. Seeds, was extracted the dark green oil yield 2.88%. The study provided, through Nuclear Magnetic Resonance spectra Hydrogen (H1) and carbon (C13) physico-chemical properties of the oil and the composition of major fatty acids. Iodine Index (II) 55.39 mg I2 / g; Saponification index (SI) 178.14 mg KOH / g; Acid Number (IA) 1.46%; Relationship hydrogen Olefinic / Aliphatic (Ro, a) 0.361; Average Molecular Mass (MM) 934.16 g / mol were obtained from the calculations in the computer program Protoleos. The analysis of the carbon-13 spectrum signals shifts confirmed the presence of functional groups of fatty acids and unsaturation to the corresponding unsaturated fatty acids. The percentage of linolenic acid (ω-3) measured was 0.43%, linoleic acid (ω-6) 12.02% Oleic (ω-9) 62.49% and 25.10% saturated fatty acids. It was found that the oil camu-camu is not for consumption in the human diet and it makes up high antioxidant potential when compared to other vegetable oils. It is also confirmed that the Camu Camu seed-presenting low levels of oleossomos, therefore classified as starchy seed, due to its high starch reserves. The quantitative mineral analysis by ICP-OES technique disclosed concentration ranges of elements: K, Na, P, Si (> 100 ppm); Mg, S (10 to 100 ppm) and Ti (<100 ppm). The Protoleos program proved to be a useful tool for calculating the determination of physicochemical properties and composition of major fatty acids. The antioxidant activity by the DPPH method, shows that oil camu-camu has a high percentage antioxidant (IC50 = 114,72 μg.mL-1), with increasing concentration. The infrared analysis enabled the recognition of functional groups present in fixed vegetable oils. The results contribute new information to the literature on seed oil, Camu-Camu extract, and concentrations of minerals.
Keywords: ICP-OES
DPPH
Camu-camu
RMN 1H e 13C
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Roraima
Sigla da Instituição: UFRR
metadata.dc.publisher.department: PPGQ - Programa de Pós-Graduação em Química
metadata.dc.publisher.program: PPGQ - Programa de Pós-Graduação em Química
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Brazil
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/
URI: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/258
Issue Date: 2016
Appears in Collections:PPGQ - Programa de Pós-Graduação em Química



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons