Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/157
Tipo: Dissertação
Title: Ocorrência, uso de habitats e distribuição de jacarés (alligatoridae) na estação ecológica de Maracá, Roraima, Amazônia brasileira
Autor(es): Souza, Bruno de Campos
Primeiro Orientador: Gomes, José Antônio Alves
Resumo: O presente estudo teve o objetivo de determinar a ocorrência, o uso de habitats e a distribuição de jacarés (AIIigatoridae) nos principais ambientes aquáticos da metade leste da Estação Ecológica de Maracá (EEM) e em seu entorno em região de transição entre a savana e a floresta em Roraima. Considerando que a distribuição e diversidade de jacarés por habitats podem ser produto da diversidade de ambientes, de recursos e de interações entre as espécies, foram formuladas três questões ecológicas: (1) existem diferenças significativas na abundância e na distribuição dos jacarés entre os cursos d'água localizados na floresta e no lavrado? (2) e entre a abundância das espécies nos ambientes de rio, igarapé e várzea? (3) a estimativa de abundância dos jacarés é influenciada pela variação na cota dos rios? A área de estudo é composta por 22 transectos distribuídos em três tipos de habitats aquáticos: rio, igarapé e várzea. Os transectos aquáticos amestrados somam 104 km de extensão, sendo 60,8 km associados ao lavrado e 44,2 km às florestas. A distinção dos cursos d'água quanto à vegetação associada (floresta ou savana) foi realizada por meio da análise de imagens LANDSAT 5 TM, utilizando o programa ArcGis 9.3. A abundância foi medida pelo número total de jacarés contados por quilometro de curso d'água percorrido. As contagens de jacarés foram realizadas no período noturno e a localização dos jacarés foi realizada por meio do reflexo dos olhos quando iluminados, utilizando como plataforma de observação um barco. O local de registro foi determinado por meio coordenadas geográficas. Foram realizados testes estatísticos com auxílio do programa Systat 10.0 com nível de significância de 95% (p<0,05), utilizando testes não-paramétricas de Mann-Whitney para comparar as abundâncias entre os transectos associados à savana e à floresta, e de Kruskai-Wallis para os três tipos de habitas aquáticos (igarapé, rio e várzea). O Teste de correlação de Spearman foi usado para verificar a relação entre a cota dos rios e a abundância de jacarés. Foram realizadas 91 contagens durante seis excursões de campo, onde foram observados 1.270 jacarés em 477,4 km de ambientes aquáticos. Após análise dos resultados dos testes estatísticos, pode-se concluir que as espécies C. crocodílus eM. nigerforam mais abundantes nos cursos d'água associados ao lavrado. Já a espécie P. trigonatus foi mais encontrada em transectos aquáticos associados à floresta. Os testes para a espécie P. palpebrosus resultaram em diferenças não significativas. Quanto ao uso de habitats de rios, igarapés e várzea, pode-se concluir que as espécies C. crocodilus e P. trigonatus foram mais abundantes nos habitats de rio e para as demais espécies não houve diferença significativa entre as abundâncias registradas. Quanto à influência da cota do rio sobre os dados de abundância de jacarés foi constatado que existe uma correlação negativa, ou seja, na seca a estimativa de abundância dos jacarés foi maior e durante a cheia dos rios foi menor.
Abstract: The present study aimed to determine the occurrence, habitat use and distribution of alligators (AIIigatoridae) in the main aquatic environments of the Eastern half of the Maraca Ecological Station and its surroundings, taking into consideration also the transition between the savanna and the forest, in Roraima. Whereas the distribution and diversity of alligators in different habitats may be the product of the environmental diversity, availability of resources and interactions among species, three ecological questions were formulated: (1) are there significant differences in abundance and distribution of alligators between the watercourses located in forest and in savanna (lavrado) areas? (2) and between river, stream and floodplain types of environment? (3) is the estimated abundances of alligators influenced by variation in the water levei? The study area consisted of 22 transects located in the three types of aquatic habitats: river, stream and floodplain. The total length of transects surveyed was 104 km, where 60.8 km were associated to savannas and 44.2 km to forests. The definition of watercourses and its associated vegetation (forest or savanna) was performed by analysis of LANDSAT 5 TM images, using the software ArcGIS 9.3. Abundance was estimated by counting the total number of alligators per kilometer of watercourse sampled. The alligators' counts were dane at night when the location of each alligator was determined by the reflex of its eyes when illuminated, using a boat as an observation plataform. The geographical coordinates of each register was dane with a GPS. Statistical tests were performed with the aid of the program Systat 10.0 with a significance levei of 95% (p <0.05), using non-parametric Mann-Whitney test to compare the abundances between transects associated with the savanna and forest, and Kruskai-Wallis test for three types of aquatic habitats (river, stream and floodplain). The Spearman correlation test was used to verify the relationship between the water levei of rivers and abundance of alligators. Ninety one counts were conducted during six field trips, when 1270 alligators were observed in 477.4 km of aquatic environments. After analyzing the results of statistical tests, it can be concluded that C. crocodilus and M. niger were more abundant in the streams associated with savannas, whereas the species P. trigonatus was more frequently found in transects associated with the forest. Tests for the species P. palpebrosus resulted in no significant differences. Regarding the differential use of habitats, it can be concluded that C. crocodilus and P. trigonatus were more abundant in the habitats of river, while no significant difference were recorded for the other species. The impact of the river water levei on the abundance of alligators showed a negative correlation, i.e. in the dry season, the estimated number of alligators was higher than when the water levei was high.
Keywords: Jacarés
Crocodilianos
Alligatoridae
Uso do habitat
Maracá
Roraima
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Roraima
Sigla da Instituição: UFRR
metadata.dc.publisher.department: PRONAT - Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais
metadata.dc.publisher.program: PRONAT - Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufrr.br:8080/jspui/handle/prefix/157
Issue Date: 14-Dec-2010
Appears in Collections:PRONAT - Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.